PUBLICIDADE
Funcionários do São Camilo de Itu podem fazer greve na próxima segunda-feira Por:
(Foto: Arquivo/Expresso Notícia)

Funcionários do Hospital São Camilo/Santa Casa de Itu publicaram abaixo assinado digital na noite de quinta-feira (19), exigindo o pagamento de direitos diante das demissões com a mudança de direção. Em uma hora, 121 pessoas já haviam assinado o documento. Diante do que consideram uma insegurança trabalhista, grupos estariam organizando uma greve para segunda-feira (23).

No texto de adesão, os trabalhadores lembram que a história do hospital teve início com o “Sanatorinho”, antes mesmo de passar para a gestão do São Camilo e desde então, os direitos trabalhistas não foram honrados. Com exceção de médicos, as demais classes estariam se mobilizando e o apoio já soma cerca de 257 trabalhadores.

Com a chegada do Instituto Moriah, que vai administrar o hospital a partir de 1° de dezembro, haverá demissões e os interessados podem ser recontratados. Segundo funcionários que procuraram a reportagem do O Expresso Notícia e preferiram não se identificar, os salários podem ser reduzidos e cada um deverá procurar seus direitos na Justiça.

Em nota, o São Camilo afirma que “está adotando todas as medidas necessárias para que a situação dos empregados seja resolvida até 30 de novembro.” A direção explica ainda que existe decisão judicial para que a Irmandade da Santa Casa assuma os empregados do hospital.

O Expresso Notícia vai acompanhar o caso e trazer novidades durante os próximos dias.

Compartilhe...

Tempo

PUBLICIDADE